Pelo mundo

5 dicas para você aproveitar ao máximo sua viagem para o Peru

Machu Picchu talvez seja o destino mais famoso desse país com pouco mais de 30 milhões de habitantes, mas tem muitos outros lugares incríveis para você conhecer no Peru!

Em Fevereiro de 2017, eu fiz uma viagem para o Peru, um país com uma cultura riquíssima, cores brilhantes e comidas extraordinárias, como eu já comentei aqui pelo blog dicas de custo e roteiro completo da trip.

Foram 15 dias entre Lima, Cusco, Vale Sagrado, Machu Picchu e Puno. Só que tem taaaanta coisa legal pra ver e fazer, tantas dicas legais que eu vou dividir em partes, ok? Então é só continuar por aqui que te conto tudo!

1. Vá além de Machu Picchu

Ok, Machu Picchu é um lugar mágico e incrível e sim, deve fazer parte do seu roteiro. Eu fui e amei cada pedacinho do lugar e ainda digo que subir – ou melhor, escalar haha – Waynapicchu (ou Huaynapicchu) foi simplesmente desafiador e sensacional! Mas vá além.

salineiras de maras peru

Salineras de Maras (piscinas de sal) e o Vale onde elas ficam!

Conheça os templos e fortalezas de Cusco e os vilarejos do Vale Sagrado, onde a cultura indígena predomina e os habitantes falam Quéchua. Vá para as montanhas de Huaraz, coma Ceviche em Lima e conheça os Uros no lago Titikaka em Puno. O Peru tem muitos lugares de tirar o fôlego que valem a visita!

2. Converse com os locais

O povo peruano é SUPER receptivo e faz de tudo para te entender mesmo quando você fala português ou portunhol! Eles têm uma vontade enorme de mostrar a cultura deles e te ensinar os valores que eles preservam.

dicas peru locais

Conversando com os locais, você ganha umas dicas de lugares diferentes, aprende a história das civilizações que viveram ali, conhece os costumes e de quebra ainda aprende algumas palavras em Quéchua!

3. Prove a comida tradicional

A culinária peruana é reconhecida internacionalmente e é de fato excepcional! Mas não só de Ceviche vivem os peruanos!

Churrasquinho de coração de boi e espetinho de porquinho da índia não são muito conhecidos por nós brasileiros, mas são iguarias do país! Carne de lhama e de alpaca (são da mesma família, tá? haha) também entram nessa lista! Experimente, conheça e saia da sua zona de conforto!

4. Negocie tudo

Se os turcos são negociadores natos, os peruanos só podem ter aprendido com eles! Por ser turista, muitas vezes vão tentar cobrar mais caro de você (nada muito diferente até aqui, certo?), mas tudo funciona na base da negociação: roupas, artesanatos e até comida!

Sim, ganhei desconto até em menu turístico. E uma vírgula aqui pra essa dica: menus turísticos têm geralmente 3 pratos – entrada, prato principal e sobremesa – e são acompanhados de uma bebida, o que é um ótimo custo/benefício! Pechinchar – e muito – vale apena, mas sempre valorizando o trabalho das pessoas!

5. É mais barato pagar em dinheiro

No Peru, a maioria dos lugares frequentados por locais não aceita cartão de débito ou crédito, que são super comuns em locais turísticos. A diferença é que nos locais que não aceitam cartão, geralmente o preço é mais barato. Ou seja, os comércios e restaurantes locais em sua maioria só aceitam dinheiro vivo e muitas vezes só a moeda peruana, os Soles – ou Novo Sol.

Tanto o Dólar como o Real tem câmbio bom – mas eu achei que o Dólar compensou mais no final – especialmente nos passeios! Isso porque a maioria dos passeios é cotada em Dólar, ou seja, para pagar em outra moeda vai depender da taxa de cada agência de turismo (e da negociação, claro!).

Seguro viagem america do sul 728x90

Se quiserem ver um pouquinho mais sobre os lugares que eu visitei, me sigam lá no instagram @van.riedel que tem váááárias fotos da viagem! #overposting

Descontos para sua viagem

  • Hospedagem:
  •  Booking
  •  AirBnB
  •  Hoteis.com
  • Voluntariados:
  •  Worldpackers
  • Chip internacional com desconto:
  •  América Chip 10% off
  • Passagens aéreas baratas:
  •  Passagens Promo
  • Aluguel de carro:
  •  Rent Cars
  • Passeios e Ingressos:
  •  Get Your Guide
Foto de Vanessa Riedel
Vanessa Riedel

Vanessa Riedel

Prazer, Vanessa! Viciada em livros e em chocolate. Advogada de formação, publicitária por profissão. Eterna aprendiz, viajante e apaixonada pelo mundo, seus mistérios e encantos!

Ver mais artigos desse autor

Deixe seu comentário

1 comentário!
  • Olá, Vanessa, gostei muito do seu post. Conselhos muito apropriados e se me permite, gostaria de adicionar mais alguma informação. Uma pergunta muito comum é: Qual a melhor época para se viajar ao Peru¿ Respondendo a ela seguem os meses mais apropriados para a viagem conforme a região:

    – Costa: a melhor temporada é de dezembro a março, com dias ensolarados (verão).
    – Serra: a melhor época é de junho a setembro, quando os dias são mais ensolarados (temporada seca).
    – Selva: a melhor temporada é de abril a dezembro, meses com menor quantidade de chuva.

    Um abraço, Vanessa espero ter contribuído com algo.

0
    0
    Carrinho
    Seu carrinho está vazio