Europa Inglaterra Londres Pelo mundo

O que fazer em Londres: seu guia completo! Pontos turísticos, onde ficar, onde comer, preços e mais

guia pratico de londres
Amanda Antunes
Escrito por Amanda Antunes

Quem me acompanha no Instagram (@prefiroviajar), sabe que eu tirei umas férias em abril e visitei alguns lugares na Europa como Londres e Amsterdã. A terra da rainha é, sem dúvida, um dos destinos mais famosos e mais desejados do mundo.

Como eu estive por lá pela segunda vez, eu conheci vários lugares incríveis e preparei um Guia Prático de Londres com todas as dicas e o que fazer em Londres, além de informações essenciais para você usar na hora de montar o seu roteiro ideal!

Sobre Londres

A Inglaterra é um dos países que fazem parte da União Européia, pelo menos até o momento! Apesar de toda a polêmica de Brexit, campanha que clama pela saída do Reino Unido da União Européia desde 2016, o país ainda faz parte dessa união política e econômica.

Ainda assim, a Inglaterra é um dos poucos países da UE que não faz parte da Zona do Euro. Sua moeda oficial é a Libra esterlina – atualmente, uma das moedas mais valorizadas do mundo, sendo mais cara que o dólar e o euro.

O Reino Unido, também, não faz parte do Tratato de Schengen – acordo que fornece livre trânsito entre os países membros, fazendo apenas imigração no primeiro país de entrada. Isso quer dizer que, ainda que você já esteja em um país da Europa, você terá que passar pelo processo de imigração normalmente para visitar Londres.

Dica: apesar de Londres não exigir o Seguro Viagem obrigatório, eu Amandinha fiz seguro e não me arrependo. Paguei um preço super em conta usando o meu desconto na Seguros Promo e garanti a minha cobertura em caso de problemas de saúde, além de proteger a minha bagagem em casos de extravio.

Para isso, não é necessário tirar visto antes. Eles autorizam sua entrada direto na imigração e uma dica é ter em mãos todo o planejamento da sua viagem, passagem de volta para o Brasil, comprovante de hospedagem, passagens de outros destinos do seu roteiro, documentos de comprovação de vínculo com o Brasil, dinheiro e cartões de crédito.

Moeda: Libra
Língua oficial: Inglês
Vacinas: não são exigidas vacinas


Onde ficar?

As melhores regiões para se hospedar em Londres são: Camdem Town, South Kensington, Earl’s Court, SoHo e Covent Garden.

onde se hospedar em londres

Leia mais: Dicas de hospedagem barata em Londres

Uma dica para não gastar muito com a hospedagem seria ficar em Earl’s Court, onde há um melhor custo-benefício, e escolher aqueles hotéis econômicos de rede.

Dessa forma, separamos algumas opções interessantes para todos os bolsos:

Hotéis: Harlingford Hotel; London Town Hotel; Holiday Inn London Kensignton Forum; Meininger Hotel London Hyde Park; Holiday Inn Bloomsbury;

Hostels: YHA London St. Pancras; The Mornington Camdem; Barmy Badger Backpackers; Astor Museum Hostel; YHA London Earl’s Court;

Dica: Outra opção super bacana é alugar um quarto ou apartamento no AirBnb. Ganhe R$179 de desconto na sua primeira reserva usando o meu link!


Quanto tempo ficar?

A duração de uma viagem nunca é regra. Vale a pena sair do aeroporto se você tiver só um dia de escala, por exemplo, e conhecer algumas coisas. Eu acredito que o ideal para uma viagem completa é ficar pelo menos entre 5 e 10 dias.

Com os 5 dias, você consegue cobrir a maioria das atrações turísticas de Londres. Já com os 10 dias, você consegue aproveitar atividades alternativas e conhecer os arredores da região que também tem muita coisa legal para oferecer.


Quanto levar?

Eu acho Londres uma cidade cara. Além do valor da libra ser elevado para nós, o custo de vida em Londres é bem alto. É claro que dá pra fazer uma viagem econômica na medida do possível, na qual você vai gastar por volta 15-30 libras por dia (sem contar hospedagem!).

Mas no geral, o recomendado, inclusive para prestação de contas na imigração, é que você tenha pelo menos 50 libras por dia de viagem. Assim, se você preferir ter um gasto menor em compra de libras porque pretende fazer uma viagem mais econômica, a recomendação é que além do dinheiro em mãos, você tenha cartões de créditos com limites disponíveis para ter pelo menos essas 50 libras por dia garantidas.

Vale lembrar que esse valor diário, eu recomendo apenas para os gastos com transporte, alimentação e os passeios. A dica é sempre deixar o valor da hospedagem já separadinho também ou quem sabe até pagar no cartão.

Dica: Não vai querer gastar ainda mais em libra no caso de uma problema durante a viagem, né? Por isso, garanta seu Seguro Viagem, que é obrigatório para a Europa, e viaje com tranquilidade. Recomendo usar comparadores de preço como o Seguros Promo para garantir o melhor custo-benefício na sua apólice.


Como se locomover em Londres?

como se locomover em londres

Metrô e ônibus

Uma das maiores linhas de metrô do mundo certamente é a de Londres. Você pode se locomover sem problemas pela cidade usando o metrô! Os ônibus também funcionam muito bem, então fique tranquilo para usar o transporte público da cidade e economizar algumas libras em táxi.

Londres também tem sua espécie de Bilhete Único: ele se chama Oyster Card e funciona tanto para o metrô, quanto para o ônibus e também para algumas outras opções como trem.

Como comprar o Oyster Card?

Para comprar o Oyster Card, você precisa pagar 5 libras – que serão reembolsadas caso você opte por devolver o cartão ao final da sua viagem.

Oyster Card de 7 dias – você deve escolher o Travelcard na hora de recarregar seu Oyster para essa opção. Você pagará um valor único fechado e poderá usar o transporte público ilimitadamente durante os 7 dias. Além do semanal, também é possível comprar com a duração mensal ou anual.

Oyster Card: Pay as you go – funciona como um cartão pré-pago. Tendo o cartão, basta recarregá-lo com o valor que deseja e, conforme você usa as passagens, o valor vai sendo descontado do crédito que você colocou.

Travelcard de 1 dia – se for ficar apenas um dia e não quiser comprar o Oyster, é possível comprar o day travelcard. O cartão é de papel e deve ser descartado ao final do uso. Você escolhe as zonas do metrô que deseja incluir no seu passe e paga o valor correspondente por viagens ilimitadas durante o período de 1 dia.

As passagens avulsas são sempre mais caras, vale mais a pena comprar dentro do Oyster Card que tem o valor com desconto.

Outra dica legal é usar seu próprio cartão de crédito ou débito como cartão de metrô e ônibus se ele tiver a tecnologia Contactless. Basta encostar na máquina e você paga com o mesmo valor de desconto do Oyster, sem precisar comprar o cartãozinho.

Dica: Ainda no tópico transporte, é na estação de trem King’s Cross que encontramos o famoso carrinho do Harry Potter para tirar fotos!

Aplicativos de transporte

Os principais aplicativos de transporte em Londres são:

Uber – o que todos já conhecem aqui no Brasil, no qual chamamos um carro particular para fazer uma viagem.

Gett – esse solicita táxis normais (aqueles pretinhos!) e te passa informações sobre o motorista, além de monitorar o trajeto.

Santander Cycles – app que permite aluguel de bicicletas com a maior facilidade, indicando o lugar o mais próximo onde tem bicicleta disponível para retirada.

Claro que, para isso, você vai precisar ficar caçando wi-fi em todos os lugares ou vai precisar comprar um chip de internet. Eu sempre recomendo ter um chip porque imprevistos acontecem, você pode se perder, é sempre melhor ter acesso à internet pra conseguir resolver com facilidade.

Inclusive, o meu favorito é o da EasySim4U por diversos motivos, um deles é porque já saímos do Brasil com ele em mãos. Se você quiser saber mais como funciona, fiz um post detalhadinho aqui.

Dica: em Londres você pode até alugar um carro com o app Drive Now da BMW!


Supermercados em Londres

Os principais mercados de Londres são:

  • Sainsbury’s – ótimo para tomar café da manhã ou fazer uma refeição mais barata;
  • Waitrose – de ótima qualidade, mais natural e um pouco mais caro;
  • Marks & Spencer – qualidade também altíssima e muito itens lindos de decoração, mas o preço também é mais elevado;
  • Tesco – com as opções express e regular, é um mercado mais popular;
  • ASDA e Lidl – são os mais baratinhos que você vai encontrar;

Assim como no Brasil, os preços variam de acordo com as promoções do dia. Você pode encontrar uma água por 0.75 libras no Sainsbury’s, por exemplo, que estará por 0.50 libras no Tesco na mesma data.

É possível ficar de olho nos preços para se programar e ter uma noção melhor no site MySuperMarket, que compara os preços em diferentes mercados.

Se você quiser optar por marcas próprias de supermercado nas compras, as melhores são as do Waitrose e do Sainsbury’s.

Por fim, uma dica essencial é o Meal Deal: todos os mercados oferecem combos de salada + bebida + snack por um preço super especial. O mais barato é o do Tesco que custa apenas 3 libras!


Compras em Londres

Com o câmbio da Libra nas alturas, pode não valer muito a pena fazer compras em Londres – principalmente se você for visitar outros destinos na Europa. Mas separamos algumas lojinhas super legais para você visitar.

compras em londres

A Poundland e a Primark são as mais baratinhas e tem coisas muito legais e fofas. A primeira vende a maioria dos itens por apenas uma libra! A segunda tem preços muito baratinhos, principalmente pela variedade de itens.

Além dessas, a Tk Maxx é uma loja estilo TJ Maxx e Marshall’s dos Estados Unidos, onde você encontra grandes marcas por preços muito mais baratos. Geralmente são coleções antigas.

Não deixe de passear pela Oxford Street, lá você encontra milhares de lojas. Incluindo TopShop, H&M e Forever 21. Outras opções famosas são a Harrod’s – o visual de fora dela é incrível e o de dentro também, e os Kilo Markets, na Brick Lane. Nesses mercados por kilo, você consegue comprar roupas BEM baratas e pra saber se vai rolar ou não, basta você buscar esses eventos diretamente no Facebook.

Reembolso de impostos: Guarde as etiquetas e as notas fiscais de todas as compras para pedir o reembolso do VAT (impostos de vendas) no aeroporto. Você deve fazer a solicitação antes do check-in pois eles podem pedir para ver os itens comprados. Vale chegar com antecedência pois sempre há fila nesse guichê!


Lugares e bairros interessantes

Além dos pontos turísticos mais comuns como Big Ben e o Palácio de Buckingham, existem muitos bairros e lugares interessantes em Londres para você visitar. São eles:

notting hill
  • Camden Town;
  • Abby Road – a rua dos Beatles!;
  • Trafalgar Square;
  • Picadilly Circus;
  • Carnaby Street;
  • Little Venice;
  • Soho;
  • Hackney;
  • Elisabeth Street;
  • Notting Hill;
  • Pub Churchill Arms, fica em Notting Hill;
  • Neal’s Yard, fica em Covent Garden;
  • The Ned;

Os arredores do Rio Tâmisa trazem aquela visão de cartão postal de Londres. As visitas imperdíveis por ali são:

  • Millenium Bridge;
  • St. Paul’s Cathedral;
  • Tower Bridge;
  • Tower of London;
  • St Dunstan-in-the-East;

Feirinhas e mercados de rua

Não poderiam faltar as dicas das atividades de rua mais charmosas de Londres! Dessa vez, eu descobri muitas feirinhas e mercados em vários lugares da cidade. A seguir, fiz uma listinha com as principais:

  • Portobello Road: a dica é ir, principalmente, aos sábados;
  • Columbia Flower Market: funciona só nos domingos;
  • Brick Lane Market: também funciona apenas aos domingos;
  • Borough Market: funciona de segunda à sábado;
  • Covent Garden, com seu charme de antigo mercado de rua, hoje é casa de lojinhas e de uma das sorveterias mais tradicionais de Londres;
  • Village Market em Brixton: só funciona aos sábados;
  • Spitalfields Market: funciona todos os dias.

Museus gratuitos

Você sabia que quase todos os museus de Londres são gratuitos? Isso mesmo! Essa é uma das coisas legais da cidade. Você consegue fazer programar super culturais sem gastar nada! A seguir, eu listei meus museus favoritos:

museus gratuitos em londres
  • Victoria & Albert Museum;
  • Museu de História Natural;
  • Imperial War Museum;
  • Science Museum;
  • British Museum London;
  • Tate British & Tate Modern.

Leia mais: 6 museus de Londres para visitar de graça


Parques e Jardins

Sabe o que tem pra dar em vender em Londres? Parques! Eu acho que todos os bairros de Londres tem seus próprios parques e os londrinos sabem aproveitá-los como ninguém. Por isso, piqueniques no parque e caminhadas pelos jardins são opções de atividades gratuitas e perfeitas para qualquer estação do ano (mesmo que super agasalhado!):

  • Regent Park;
  • Hyde Park;
  • St James’s Park;
  • Green Park;
  • Greenwich Park: nele você encontra as lindas cerejeiras na primavera;
  • Kensington Garden: é lá que fica o memorial da Princesa Diana;
  • Holland Park;
  • Richmond Park;
  • Sky Garden: para subir você precisa fazer reserva gratuita com cerca de 2 semanas de antecedência. Mas é possível visitar sem reservas até 10:30 da manhã ou a partir de 21:00;
  • Fen Court Garden.

Restaurantes

O que não falta em Londres são restaurantes incríveis pra você conhecer. Eu separei alguns super legais recomendados por amigos e por seguidores lá do insta. Se liga na listinha:

  • Wetherspoons – um dos melhores lugares para beber uma cerveja em Londres;
  • Café in the Crypt: fica no subsolo da Igreja Saint Martin in the Fields;
  • Restaurantes do The Shard: localizado no maior prédio da Europa com uma vista incrível;
  • Planet Pancake no Greenwich Market;
  • The Lemon Tree: é focado em comida tailandesa, em Covent Garden;
  • Restaurantes do Boxpark, em Brick Lane – um lugar super cool com restaurantes feitos em containers. É um lugar bem jovem cheio de gente estilosa em clima de paquera;
  • Restaurantes brasileiros no The O2, em North Greenwich;

Além disso, lembre-se de experimentar as tradicionais Fish and Chips no Pub The Anchor e tomar café da manhã no The Breakfast Club!


Bares e baladas

E a vida noturna em Londres, Amandinha? Muitas pessoas me perguntaram sobre isso lá no instagram e, apesar de não ser muito das baladas, dei uma pesquisada e ouvi falar super bem dos lugares abaixo:

  • G-A-Y: localizado no Soho, o bar é um dos bares gays mais famosos de Londres;
  • O’Neills: localizada bem em frente a famosa Carnaby Street, esse pub é um dos queridinhos do brasileiros;
  • Pubcrawl: se você quer fazer amizades e conhecer as baladinhas de Londres, você pode fazer um pubcrawl e andar de bar em bar, com entradas e bebidas incluídas no ingresso;

Speakeasy bars

Já ouviu falar naqueles bares que são escondidos dentro de um restaurante, farmácia, loja de conveniência? Então prepare-se para conhecer um dos dois abaixos na sua viagem:

  • Cahoots – inspirado em uma estação de trem;
  • Opium – uma das melhores drinkerias de Londres;
  • Evan & Peels – inspirado em uma agência de investigação, você vai precisar ser interrogado antes de entrar
  • Nightjar – o instagram deles vai querer te fazer visitá-los agora;
  • The Chelsea Prayer Room – ambiente super intimista, fica dentro de um restaurante italiano;

Arredores de Londres

Além de ser uma cidade cheia de atividades bem legais, nos arredores de Londres você encontra lugares super diferentes que valem a visita. Se você pretende ficar mais tempo na cidade, super recomendo os lugares a seguir:

stonehenge
  • Bate-e-volta para Windsor e Bath;
  • Seven Sisters Cliff;
  • Mayfield Lavender, mas é só de junho até setembro;
  • Stonehenge;
  • The Cotswolds;
  • Canterbury;
  • Harry Potter Studios;
  • Cambridge;
  • Brighton;

Filmes para ver antes viajar para Londres

Quer se inspirar antes de viajar para Londres? O que não falta no Netflix são filmes que tiveram Londres como o cenário principal. Eu fiz mais uma listinha pra vocês, mas aceito mais sugestões lá nos comentários!

  • Um Lugar Chamado Notting Hill;
  • Mary Poppins;
  • O Diário de Bridget Jones;
  • Harry Potter;
  • Simplesmente Amor;
  • Sherlock Holmes;
  • Diana.

Instagrams de Londres para seguir

Um dos lugares que eu mais achei informações úteis sobre Londres foram nos instagrams que eu sigo. Tem muito lugar legal e muita dica boa. Eu super recomendo esses 4 perfis para seguir antes da viagem!

 Você curte as minhas dicas? Então já segue o @prefiroviajar no Instagram pra acompanhar as minhas viagens em tempo real! 

VAI VIAJAR? ENTÃO RESERVE AQUI!

Você sabia que quando você faz uma reserva com um link aqui no blog, nós ganhamos uma pequena comissão? Você não é taxado a mais por isso e ainda ajuda o Prefiro Viajar a produzir mais artigos de qualidade! Então, bora reservar?

Passeios e ingressos: TourOn e Get Your Guide
Hospedagem: BookingAirBnB e Hoteis.com
 Seguro viagem: Real Seguro e Seguros Promo
 Passagens aéreas baratas: Passagens Promo
 Aluguel de carro: Rent Cars
 Dinheiro pro exterior: Transferwise

Sobre o autor

Amanda Antunes

Amanda Antunes

Olá! Eu sou Amanda. Sou publicitária, criativa e apaixonada por fotos e viagens. Ao todo foram 3 intercâmbios e 24 países visitados. São muitas histórias para contar, porque eu Prefiro Viajar!

1 comentário

Deixe um comentário