Europa Grécia Pelo mundo

Dicas de Mykonos: como chegar, o que fazer e onde ficar

mykonos grecia
Sirlei Brito
Escrito por Sirlei Brito

Fala viajantes! Meu chamo Sirlei Brito, tenho 38 anos, sou engenheira e como todo brasileiro sempre tive um grande desejo de conhecer a Grécia. Fico sempre antenada nas promoções de passagens e quando acho uma boa oportunidade, não perco!

Então foi isso, no final de 2016 a Alitalia lançou uma promoção de passagens para Europa e consegui uma passagem Rio/Roma/Atenas com conexão curta por R$2,100,00 parcelada em 10 x. Os voos poderiam ser até meados de junho e foi o que eu fiz, comprei para as 2 primeiras semanas de junho, foi ótimo. Fui no início da temporada de verão, então tivemos sol todos os dias, ilhas não tão lotadas e preços de hospedagens mais em conta.

Ao todo, foram 14 dias de viagem e eu viajei com uma amiga “da melhor idade” e achei que este tempo foi suficiente para conhecer com calma os principais pontos das ilhas. Nesse artigo vou dar dicas de Mykonos!

Meu roteiro de viagem

Atenas (4 noites) > Zakynthos (3 noites) > Santorini (2 noites) > Mykonos (3 noites)

Junho

Saída Galeão as 14:35h 04/jun domingo
Chegada em Atenas as 11:40h 05/jun segunda
Atenas 06/jun terça
Saída para Zante 05:15/06:00 07/jun quarta
Zante 08/jun quinta
Zante volta para Atenas as 21:45/22:30 09/jun sexta
Pernoitar no aeroporto ou hotel SOFITEL (aeroporto) 
Saída para Santorini 05:20/06:05 10/jun sábado
Santorini 11/jun domingo
Saída para Mykonos a TARDE 12/jun segunda
Mykonos 13/jun terça
Mykonos 14/jun quarta
Saída para Atenas 15:15h/16:05 15/jun quinta
Atenas 16/jun sexta
Atenas 17/jun sábado

cupom desconto seguro viagem

Como chegar em Mykonos?

Valeu muito a pena escolher ir de Santorini para Mykonos de ferry, primeiro pelo percurso até o porto e segundo pela experiência de viajar nos ferrys de lá.

Compramos os ticktes pela internet na empresa Seajets e o trecho custou 66,80 euros. É muito importante chegar 1 hora antes para trocar o voucher pelos bilhetes, tem um “saguão” para o embarque ao lado direito do porto.

ferry mykonos

Lembre que no ferry não tem essa de esperar ninguém, é tudo muito rápido. Você entra pelo porão e coloca as malas em armários e só depois quando vai subir as escadas para o salão principal quando eles conferem o seu ticket.

No trajeto há 2 paradas rápidas nos portos das ilhas de Ios e Naxos, o percurso foi tranquilo e em 2h30min estávamos no Porto de Mykonos.

Chegamos em Mykonos! Que é considerada uma ilha gay e a ilha das melhores baladas da Grécia (rola uma competição com Ibiza na Espanha). Mas para nós o objetivo eram só mesmo as praias e os moinhos.

Ônibus barco

Se o seu hotel for em Mykonos Town, próximo ao porto velho, é só pegar o “ônibus barco” que custa apenas 2 euros, ele sai do porto novo onde chegam os ferrys. Nós não tínhamos essa informação, então pegamos um taxi que custou 15 Euros e nos deixou no “calçadão” bastante longe.

O ônibus barco nos deixaria muito mais próximo (conforme mapa acima). Mas como só levamos o essencial nesta viagem, empurrar a mala até o hotel não foi um problema.

IMPORTANTE: na Grécia, os taxistas podem compartilhar o táxi se as pessoas estiverem indo para o mesmo trajeto, porém o valor da corrida não é compartilhado… Isso mesmo! Com a gente só ocorreu 1 vez na chegada em Mykonos, prática estranha, mas muito comum por lá.

Onde ficar em Mykonos?

Como mais uma vez o objetivo era fazer tudo a pé e de ônibus, nós ficamos literalmente no “fervo” Nna famosa Mykonos Town, mais precisamente, na Rua “Matogianni Str”. O nome do hotel era Matogianni e  não estava incluso o café da manhã.

mykonos town

O que fazer em Mykonos?

Ficamos em Mykonos um total de 3 dias. Chegamos em Mykonos na segunda-feira por volta das 13h e ficamos até quinta-feira a tarde. Em Mykonos além da típicas lojinhas de souvenires há muitas lojas de marcas famosas e galerias de artes. Andamos muito e me apaixonei por todas elas.

Além disso, visitamos 4 praias: Elia, Ornos, Paradise e Agios Stefaneos. Fomos a todas elas de ônibus. Em Mykonos, existem 2 terminais de ônibus. Ficamos metade do dia em cada praia, foi o suficiente para conhecer e relaxar (o sol estava bem forte, porém a água é muitoooo fria!)

praias mykonos

Praias de Mykonos

Vale lembrar que a prainha no centro de Mykonos também muito visitada pelos passageiros de navios que normalmente param por algumas horas por lá.

O pôr do sol por lá também é um evento, o povo se reúne próximo aos moinhos.

por do sol mykonos grecia

Pôr do sol em Mykonos

Quanto as famosas festas e pub’s de Mykonos não sou capaz de opinar, mas curtimos muito durante o dia e a noite era só fazer um lazer e cama!

Retornamos para Atenas de avião, desta vez pela Ryanair e  o trecho custou 60 euros com 1 mala de 20kg.

Dica: Quanto maior a antecedência na compra da passagens para ilhas menor o preço das passagens.

Cruzeiros valem a pena?

Na minha opinião, o cruzeiro não é uma boa opção. Se você realmente quer conhecer as ilhas gregas os cruzeiros são as piores opções, pesquisei muito e vi que praticamente todos ficam por poucas horas nas ilhas, eu achei somente 1 com pernoite em Mykonos, porém as outras ilhas do roteiro também eram visitadas só por algumas horas. O ideal é no mínimo 2 dias em cada ilha para conhecer o básico.

Mais dicas da Grécia

Curtiu as dicas? Então compartilhe com os amigos e deixe aqui embaixo o seu comentário. Vai viajar? Faça as suas reservas aqui pelo blog. Os links dos nossos parceiros estão aqui embaixo!

VIAJE COM O PREFIRO VIAJAR!

Você sabia que quando você faz uma reserva com um link aqui no blog, nós ganhamos uma pequena comissão? Você não é taxado a mais por isso e ainda ajuda o Prefiro Viajar a produzir mais artigos de qualidade! Então, bora reservar?

Passeios e ingressos: TourOn e Get Your Guide
Hospedagem: BookingAirBnB e Hoteis.com
 Seguro viagem: Real Seguro e Seguros Promo
 Passagens aéreas baratas: Submarino Viagens , Voopter e Decolar.com
 Aluguel de carro: Rent Cars
 Dinheiro pro exterior: Transferwise

Sobre o autor

Sirlei Brito

Sirlei Brito

Nome é Sirlei Brito, tenho 38 anos, sou engenheira de telecomunicações, trabalho para pagar as viagens (risos) e tenho um estilo bem livre, faço tudo por minha conta sem agências de turismo.

Deixe um comentário